Porto Velho receberá prêmio ‘InovaCidade’ pelo projeto Amazônia + 21

27/Jun/2019 - 12:05

A premiação ocorrerá no dia 22 de julho, durante o ‘Smart City Business Brazil Congress & Expo’​

Porto Velho tem se destacado no cenário mundial. O município foi vencedor do ‘InovaCidade’, prêmio concedido pelo Instituto Smart City Business America, pela idealização do fórum de desenvolvimento regional sustentável ‘Amazônia + 21’, de iniciativa do prefeito Hildon Chaves. O fórum acontecerá em julho de 2020 e discutirá estratégias de tecnologia, inovação e sustentabilidade para a Amazônia.

O prêmio, que reconhece projetos realizados pela administração pública, iniciativa privada ou pela sociedade, com impactos positivos mensuráveis, terá sua 7ª edição no dia 22 de julho, em São Paulo, durante o ‘Smart City Business Brazil Congress & Expo’, o mais importante evento sobre cidades inteligentes da América Latina.

Porto Velho foi a única cidade da região Norte do país escolhida para receber o ‘InovaCidade’. Para o presidente da Agência de Desenvolvimento do Município, Marcelo Thomé, a premiação vem como uma forma de consolidar o município de Porto Velho como o mais inovador de 2019.

“O Amazônia + 21 consolida a estratégia de posicionamento de Porto Velho como uma cidade inovadora. O fórum coroará o movimento que foi feito nos últimos anos pela Agência de Desenvolvimento, no sentido de articular a cidade com várias entidades, nacionais e internacionais, para poder ser percebida como uma cidade atrativa ao investimento e, definitivamente, colocar Porto Velho na rota do desenvolvimento”, salientou Thomé.

Sobre o Amazônia + 21

É um fórum internacional permanente de diálogos, que será realizado em maio de 2020, na capital de Rondônia. Ele busca o fortalecimento de uma identidade cultural e econômica, com novos modelos de desenvolvimento regional sustentáveis para a região Amazônica. A ação envolve os governos, o setor produtivo, academia, sociedade civil organizada e fomento. A ideia é que o fórum seja realizado a cada dois anos.

Durante o fórum, são esperadas as participações de cientistas, pesquisadores, especialistas, empresários, empreendedores, investidores, órgãos de fomento, governantes e chefes de Estado, totalizando cerca de até 3 mil pessoas, durante três dias, além de transmissão pela internet.

Fonte: Comdecom

logotipo da prefeitura de porto velho